terça-feira, 15 de setembro de 2015

Meia Maratona das Lampas, que regresso tão delicioso à estrada!

Desde inícios de Junho que não fazíamos uma corrida de estrada!!!! Foi a Corrida do Oriente com 10 km. 
Portanto podem imaginar a ressaca... ;)

Pior!!!! Desde Março que não corria uma Meia!!!! Como é que cheguei a Setembro só com uma meia-maratona no ano??? Eu que adoro meias?!?!?!?

E que alegria foi rever tantos amigos e correr nesta maravilhosa meia-maratona.

Tal como o Marco Paulo eu também tenho dois amores e não tenho a certeza de qual eu gosto mais. Eheheh :) Adoro trilhos mas também adoro estrada. E não consigo viver muito tempo sem um nem outro.

Que sensação fantástica estar no meio de tanta gente bem disposta e prestes a correr uma meia-maratona.

Eu e o Vitor juntámo-nos aos amigos João Lima, Sandra e Nuno e fomos até São João das Lampas para celebrar a corrida. Porque esta Meia é uma celebração de tudo o que significa a corrida. Amizade, boa disposição, alegria, desafio.

Foi muito bom rever tantas caras conhecidas e conhecer novas caras.
E o Fernando Andrade e toda a organização mais uma vez de parabéns por porem de pé uma corrida fantástica e exemplar.

Os 4 ao km presentes,
Vitor, eu, Cravo e João Lima.
Foto tirada pela amiga Sandra

Aquecemos com o nosso companheiro de equipa, o João Cravo, e dirigimo-nos para a partida, cada um com as suas dúvidas. Eu e o Vitor por não fazermos provas de estrada há algum tempo e por virmos duma ultra há menos de uma semana. O João (o Lima) por ter estado lesionado e estar novamente com aquele problema pulmonar. O João (o Cravo) ao que parece não tem treinado tanto.

Tudo nervoso e com dúvidas mas a verdade é que nos safámos todos muito bem :)

Assim que foi dada a partida, começou a festa. Fiquei tão entusiasmada que ia a liderar a equipa e a puxar por eles a 5 e tal de média.
Primeira grande descida e eu a embalar por ali abaixo. Tão bom! Que paisagem fantástica!
Que saudades duma prova de estrada! Que saudades duma meia!!!! Esta distância é bem capaz de ser a minha favorita. Adoro, adoro, adoro meias! E esta em particular é possivelmente a melhor que conheço. Reúne todos os requisitos.







Depois da grande descida, veio a grande subida. As subidas custaram um pouco mas fizeram-se, ainda não estamos a 100% depois dos Templários o que é perfeitamente natural.

Não só o percurso desta meia é bem bonito, como o apoio é único. É capaz de ser a meia-maratona que conheço com mais publico a apoiar, as pessoas vinham à porta de casa apoiar-nos e baterem palmas. Sempre que viam uma senhora o apoio era ainda maior. Força senhora! Força menina! :)

Ia a sentir-me super bem e por estranho que possa parecer ia a adorar as dificuldades, ia a adorar estar em esforço, estar a dar o tudo por tudo para correr naquelas subidas. Sim, ia a adorar o sofrimento. Mas vocês percebem e sabem bem do que estou a falar. Quem não corre deve pensar que somos loucos, mas há um sofrimento bom no acto de correr. 

Tiraram-nos várias fotos ao longo da prova e em quase todas elas estou a sorrir, verdadeiramente feliz por fazer parte desta festa que é a Meia das Rampas, ai enganei-me, Meia das Lampas ;)
Nas subidas notava-se o esforço mas consegui ir sempre a correr e é como digo, soube-me bem o esforço.

O casalito.
Foto tirada pelo André Noronha.

Fomos sempre em formação cerrada, a armada dos 4 ao km. E que bem soube correr em equipa. Por vezes uns mais à frente, outros mais atrás, mas sempre juntos. E a malta sempre a apoiar.

Por volta do km 18 sabia estar a ultima subida e depois seria sempre a descer até à meta. Aí descolámos um pouco do João, o Cravo já tinha ficado para trás (ele depois fará o seu relato eheh) e embalámos por ali abaixo em direcção à meta, onde tal como no ano passado estavam a dar rosas às senhoras para cortarem a meta com a rosa na mão. Cortámos a meta de mãos dadas e com um sorriso na cara, verdadeiramente felizes e satisfeitos com as nossas 2h12m. Bem longe do tempo do ano passado (2h05m) mas ainda assim melhor 2 minutos que a primeira vez que fiz esta corrida.

Completei assim a minha 14ª meia-maratona e o Vitor a sua...pois...nem ele sabe...mas já tem com certeza para cima de 20 ou 30.

À chegada esperava-nos uma bonita medalha, fatias de melancia mham mhan, pacote de batatas fritas e biscoitos caseiros. Que mais se pode pedir?

Esta prova é excelente, tem bons abastecimentos com o final a ser excelente. A paisagem é linda, há marcação dos km's, muito apoio do público, corte de trânsito e ainda por cima rosas para as senhoras! Uma corrida 5*. A repetir. Sempre.

Obrigada aos amigos Sandra e Nuno. Adorei rever-vos :)
Obrigada aos companheiros desta maravilhosa equipa, João Lima, João Cravo e Vitor por terem partilhado comigo tão deliciosa prova.
E um obrigada especial ao meu Vitor, mais uma prova que completamos juntos.

Caso ainda não tenham percebido, fui verdadeiramente feliz nesta corrida.

Se por um lado tive vários meses sem fazer uma prova de estrada, especialmente meias, agora vou tirar a barriga de misérias e fazer já outra meia no próximo domingo :)
Vamos à Meia de Setúbal que este ano tem novo percurso. Bem mais bonito mas...bem mais duro...Fixe! =P

18 comentários:

  1. Foi muito rápido mas gostei muito de os conhecer.
    Não faço trail, o mais parecido que fiz foi a Lisbon Eco Marathon (21Km), mas gosto de passer aqui pelo vosso blogue e acompanhar as vossas "aventuras" e acima de tudo as vossas conquistas. Gosto particularmente da vossa maneira de estar na corrida, o importante é chegar ao fim, atingir mais uma meta, aprecio o vosso espirito de sacrificio e boa disposição. Parabéns por mais uma meia feita e pela forma como a fizeram.
    Deve estar com dificuldades em identificar quem sou no meio de tanta gente com quem falaram, se ajudar, sou aquele que disse que ao vivo são todos mais altos do que nas fotos do blogue :-)

    Força e boa sorte para Setúbal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lembro-me sim sr :)
      Também gostámos de te conhecer, é sempre bom conhecer caras novas.

      A corrida para nós é uma alegria e um desafio, daí essa maneira de estar de que falas.
      Venham as próximas corridas! E até à próxima!

      Beijinhos e abraços

      Eliminar
  2. Isa, tu gostas mesmo destas meias maratonas, de vez em quando davas um esticão, que até o João Lima me fazia sinais de admiração. Sim, era a minha Isa a descontrair:)
    Também gostei muito de rever pessoal amigo, e claro que adorei voltar à estrada contigo!
    Prova espectacular, para fazer sempre!

    Beijos gigantes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh se gosto! :)
      Foi um excelente regresso à estrada, no domingo há mais.
      Ai que saudades que eu tinha disto!
      Beijos gigantes

      Eliminar
  3. Estiveste muito bem e foi um enorme prazer tornar a correr convosco e em constatar o feliz que ias.
    E no km 19 ainda tiveste energia para dar aquele esticão. Nos outros consegui responder, naquele já não :)

    Concordo contigo em relação à paixão das Meias. E sabes que a de Setúbal vai ser a minha 42? É um sinal e só não vê quem não quer :)

    Beijinhos e força :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sempre que era a descer eu tinha energia para dar esticões eheheh :)

      Fico sempre dividida. 10 ou 15 km sei bem que não são as minhas distâncias favoritas. Mas depois hesito entre a meia e a maratona. Mas como ainda só fiz 4 maratonas acho que ainda não posso dizer que seja a minha distância favorita. Ficamos pelas meias pois já fiz umas quantas verdadeiramente maravilhosas.

      Beijinhos

      p.s. Só não vê quem não quer!!!

      Eliminar
  4. Parabens , mais uma Meia e , para mim a Rainha das Meias-Maratonas de Portugal ! :)

    Que inveja desse "adorar estar em esforço e dificuldades" !
    Estou numa fase exactamente contraria. Enfim...


    Muitos parabens a todos...

    Boa continuação e força para essas provas todas... :)

    bjs e abrçs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também acho que é a rainha das meias :)

      Só pensei isso porque também estava de ressaca de corridas de estrada. Se calhar na próxima vou pensar que estava maluca quando estava a gostar do sofrimento eheheh...

      Beijinhos e força!

      Eliminar
  5. Parabéns por mais uma .... parece que as maquinas estão afinadas para a Maratona, só mais uns ajustes e estão prontas para a prova rainha :)
    Beijinhos

    P.S. Tenho que ir às Lampas, definitivamente :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Afinadas para a maratona...ainda faltam uns bons ajustes...e depois no próprio dia esperemos que os pneus não furem =P

      Beijinhos e marca já no calendário para o próximo ano!

      Eliminar
  6. Epah, que belo relato, que vontade de correr!

    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi uma prova que me deu imenso prazer de fazer.
      Beijinhos

      Eliminar
  7. Isa olha que o alcatrão faz mal à saúde hi hi hi hi hi Bem mas há uma excepção: o alcatrão do Mestre Fernando Andrade é benéfico para a saúde!
    Só não entendo é porque a malta do trail fala de subidas e descidas quando relata provas de estrada. Para a malta do trail em estrada não há subidas nem descidas!
    Enfim eu sempre na brincadeira.
    Beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai há há!
      No trail são 10x mais duras e inclinadas mas fazem-se quase sempre a andar, na estrada há uma "obrigação" de as fazer a correr, daí custar também muito as subidas em estrada :)

      Beijinhos

      Eliminar
  8. Olá Isa. Muito obrigado pela visita e pela apreciação positiva que faz da Prova. Sempre que vemos alguém satisfeito com isso, redobra-nos a vontade de continuar e de fazer melhor (sim, porque há muito a melhorar). Como diziam os Gato Fedorento, "na próxima é que vai ser bom" . Beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muitos parabéns pela prova Fernando.
      Na minha opinião pouco há a melhorar, é continuar com o excelente trabalho :)
      Beijinho

      Eliminar
  9. O que vale é que na corrida podes ter dois amores à vontade, que nem os trilhos nem a estrada se chateiam... ;) Parabéns pela prova feliz!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é :)
      Obrigada.
      Beijinhos e força para Arga!

      Eliminar