terça-feira, 24 de janeiro de 2017

São Silvestre da Amadora, acabar o ano rodeados de alegria

31.12.2016

Já é tradição. Desde que corro que todos os anos não perco a São Silvestre da Amadora. E claro que desde que estamos juntos que a corremos juntos. Esta é mesmo imperdível pelo apoio do público e por ser a despedida de um ano de corridas.
Independentemente de como corra, no final o sentimento é sempre bom pois aquele público faz valer o esforço. E este ano que grande esforço foi!

Antes da prova o habitual desfile de motas e carros antigos, este ano fiz uns pequenos filmes com o telemóvel.



video


video

Éramos 4 os 4 ao km presentes mas como não sabíamos do Eberhard antes da prova, só estamos 3 na foto. E vê-se bem a alegria nos nossos rostos por estarmos prestes a correr uma das míticas.

Vitor, eu e João Lima.

Tinha pensado já há várias semanas que se me sentisse bem gostava de tentar bater o meu recorde dos 10 km nesta prova. Sim, é uma prova só sobe e desce, não é fácil para recordes mas eu queria tentar.
Mas logo nos primeiros metros percebi que hoje não seria o dia.
Estava muito frio e talvez por isso demorei a aquecer, logo nos primeiros metros sentia que quer as coxas quer os gémeos não estavam bem. O João que ia animado ainda me deu força, mas eu disse-lhe logo naquelas primeiras centenas de metros que hoje não era o dia. Mesmo assim dei o meu melhor.
Primeiros 3, 4 km sofridos. Ao 5º km comecei a soltar-me, aproveitei uma descida e embalei, a partir daí o João ficou para trás e segui só com o meu Vitor. Mas o João tinha uma boa desculpa, de manhã já tinha feito a São Silvestre de Lisboa :)


A partir do 5º km a coisa realmente melhorou um pouco, mas segui sempre até ao fim com as pernas um pouco presas e sem conseguir dar o máximo.
Na famosa Subida dos Comandos até conseguimos manter um ritmo bastante aceitável tendo em conta a inclinação dela...então na parte final aquilo empina mesmo! Chegados cá acima foi estabilizar a respiração e depois aproveitar a parte final, quase sempre a descer. Os 2 últimos km's foram abaixo de 5min/km, tendo o último km sido o mais rápido da prova.

A acelerar por ali abaixo, com o Vitor a puxar por mim.
Terminámos com 55m11s, em cinco presenças, foi a minha 3ª melhor. Longe do meu melhor ali, mas neste dia não era mesmo o dia para recordes.

Agora vamos ao que interessa. Este foi o relato da prova, da corrida em si, mas a São Silvestre da Amadora é muito mais que isso, é uma grande animação! Não há mesmo prova igual a esta! E pelas duas fotos acima vocês bem vêem as ruas com gente. Pois imaginem que havia zonas que mais parecia que estávamos na Volta à França, era tanta gente e depois nas curvas quase que não havia espaço para passarmos de tanta gente! E muitas crianças a darem hi-5's nas nossas mãos. E muita gente a desejar bom ano aos atletas e muitas senhoras a gritarem "Força menina!", "Força mulher!". 
E depois há as surpresas =) A meio da prova, já na segunda parte da prova, de repente numa curva cheia de gente, ouço alguém gritar "Isa!!!". Era o meu pai =) Se ele não tivesse gritado por mim eu nem o via, pois era tanta gente! No final voltei a revê-lo, também ele gostou muito da animação do publico do qual também ele fez parte.

Em termos desportivos não foi a minha melhor corrida mas who cares? Foi a São Silvestre da Amadora e basta!

Este foi o relato da nossa última prova de 2016, agora só estou em falta convosco para relatar a primeira prova de 2017 =)

Um excelente 2017 para todos vocês caros leitores!

12 comentários:

  1. Aqui está uma prova que me falta no CV! E, realmente, parece uma festa! Este ano fui assistir à S.S. dos Olivais e achei bastante fraquinha de público...
    Nem todas as provas são para bater recordes, algumas valem só pela alegria de estar a correr, o que pareceu ser o caso. Parabéns!
    Venham as provas (e crónicas) de 2017! :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas esta não pode mesmo faltar no CV! O publico é mesmo espectacular, não há igual!
      Nos próximos dias vou ver se consigo pôr aqui o sítio em dia :)
      Beijinhos

      Eliminar
  2. A São Silvestre da Amadora é a melhor definição de prova mítica.
    E é também a possibilidade de parecer que estamos a fazer uma prova lá fora onde o público apoia e compreende o esforço dos atletas.

    Foi o corolário dum vosso excelente e fantástico ano onde alcançaram resultados e records extraordinários :)

    Beijinhos, abraços e muita força para 2017

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, parece que estamos em Espanha =)
      Foi um bom ano sim, mas esperemos que 2017 seja melhor.
      Beijinhos e abraços

      Eliminar
  3. Tenho que fazer esta um dia destes. Olha, valeu pela festa e é mais uma no CV.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens mesmo, esta é uma das míticas deste país!
      Esta vale sempre pela festa :)
      Beijinhos

      Eliminar
  4. Esta prova é espectacular!
    Grande apoio do público, a dar uma força extra a todos os atletas.
    Não deu para o que queríamos, mas foi um grande tempo na mesma.
    Uma boa maneira de acabar o ano:)

    Beijos gigantes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta é sempre imperdível, acabámos o ano em grande :)
      Beijos gigantes

      Eliminar
  5. Desta vez "a culpa foi do benfiquista" porque em vez da surpresa deveria ter preparado um esparguete à bolonhesa para assim baterem o record. V de Vítor e I de Isadora da Vitória. Parabéns.

    ResponderEliminar
  6. Com o teu esparguete à bolonhesa de certeza que tínhamos conseguido bater o recorde =)
    Obrigada pai.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Esta prova é fabulosa. Fui pela primeira vez e foi tal e qual como relatas. Grande animação e fartei-me de dar hi5's, nem consegui chegar a todos. Passou a ser prova obrigatória :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que quem a faz uma vez, passa a fazê-la sempre que pode :)
      Boas corridas!

      Eliminar